Onze pessoas assassinadas em 2018: “PT só pensa na eleição”, questiona deputado

Publicado em 08/01/2018 - 16:14 | Por Redação

A primeira semana de 2018 terminou com 11 assassinatos, bem acima de média de 2017, quando 480 pessoas foram executadas. Enquanto isso o atual governador, Tião Viana, e seu pré-candidato a governador, Marcus Alexandre, prefeito de Rio Branco, ambos do PT, só pensam na eleição de outubro. Pior: o pré-candidato a vice de Marcus, Emylson Farias, que é secretário de Segurança e filiado ao PDT, escolha pessoal de Tião, também não anunciou até agora nenhuma medida para conter essa escalada da violência. O questionamento foi feito hoje de manhã pelo deputado estadual Nelson Sales (PP).

Segundo o parlamentar, “pior que tudo isso”, é que o Governo ainda tenta mascarar dados, não divulgando o número de assaltos e roubos de carros e motos. Um soldado da PM disse ao Blog semana passada que são pelo menos dez roubos de veículos todos os dias. “Esse militar tem razão. A gente já sabia disso. Eu cheguei a denunciar esses dados numa rádio”, diz o deputado. A inércia do Estado deixa a população a mercê da bandidagem, enquanto a equipe do governo não pensa noutra coisa, senão na eleição. “O projeto deles virou projeto apenas de poder. Enquanto isso toda noite é a mesma história: mortes!”, diz.  

fonte:Blogdoevandro 

Veja também

Comentários

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.