Deputada Eliane Sinhasique apresenta propostas para diminuir violência no Estado

Publicado em 11/07/2018 - 11:21 | Por Redação

A líder do MDB na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputada Eliane Sinhasique, apresentou durante a sessão desta terça-feira (10) carta de propostas com soluções para diminuição da violência. O documento foi elaborado com sugestões de vítimas que se pronunciaram durante o fórum de debates sobre o tema, ocorrido no dia 29 de junho.

“Venho apresentar o resultado do nosso primeiro fórum de debate sobre violência, realizado dia 29 de junho. Foram 10 horas de conversas nesta casa e nós fizemos um apanhado das diversas problemáticas e possíveis soluções para esse mal que tanto aflige os acreanos”, discorreu.

A carta apresentada pela parlamentar mostra 52 soluções para combater e evitar os mais diversos tipos de problemas decorrentes da violência. Dentre os tópicos apresentados, estão a valorização de policiais, com reconhecimento e premiação de boas práticas; urbanização de bairros periféricos; criação de um sistema de recuperação das viaturas policiais, dentre outros.

“Enumeramos 52 soluções, que em sua grande maioria não precisam de dinheiro para ser colocadas em prática. Todas foram coletadas com as vítimas da violência. Hoje estamos encaminhando a toda imprensa essa carta com essas sugestões e vamos entregá-la também às autoridades do Estado, para que todos tomem conhecimento de quais ações podem implementar para diminuir a violência”, explicou.

A parlamentar disse ainda que dentre outras ações que devem ser realizadas para diminuir o índice de violência, é essencial que se ofereça aos policiais um conjunto habitacional próprio, aumentando a segurança entre eles, que muitas vezes são vítimas de represálias.

“Essa é a nossa contribuição para que haja diminuição da violência no Acre. É preciso empenho, atitude e coragem para colocar em prática algo que de fato vai ajudar nossa população. Queremos paz!” Finalizou.

Veja também

Comentários

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.