500 casais devem oficializar união em Casamento Coletivo em Cruzeiro do Sul

Publicado em 11/09/2018 - 20:36 | Por Redação

Para os casais que desejam oficializar a união, o tribunal da justiça por meio do projeto cidadão abrirá vagas para o casamento coletivo, esse projeto que já existe a mais de 20 anos, será realizado para moradores de cruzeiro do sul e municípios vizinhos, com todos o procedimento gratuito para quem pretende subir no altar.

“As inscrições estarão abertas a partir do dia 24 até o dia 26 e as equipes estarão prontas para atender esses casais”, disse o Técnico Judiciário Narcélio Generoso

O projeto cidadão é um trabalho social criado pelo tribunal de justiça do Acre, com a finalidade de assegurar a população mais necessitada acesso rápido e gratuito aos serviços públicos fundamentais, o técnico judiciário Generoso destaca a importância da documentação na hora da inscrição para o casamento coletivo. “Para solteiros e divorciados há alguns documentos que precisam ser apresentados então as pessoas tem que ter atenção na hora da inscrição”, afirmou.

Confira os documentos necessários:Noivos Solteiros: Certidão de Nascimento original (legível e sem rasura), comprovante de endereço, RG e CPF (original e cópia).Noivos Divorciados: Certidão de Casamento original com Averbação do Divórcio (legível sem rasura), cópia do processo ou sentença do divórcio (parte referente à partilha de bens), comprovante de endereço, RG e CPF (original e cópia)

Noivos menores de idade (entre 16 a 18 anos incompletos): Certidão de Nascimento original (legível e sem rasura), comprovante de endereço, presença dos pais portando RG e CPF (original e cópia). Em caso de responsáveis falecidos, apresentar Certidão de Óbito. Em caso de pais ausentes, apresentar consentimento por escrito do responsável.

*Certidões devem ser atualizadas.

 

fonte:Juruáonline

Veja também

Comentários

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.